Índice de Cap. dist. Normal (método Pooled) para processo de medição

Você está aqui

Manual da ferramenta Action sobre Índices de performance/capacidade (método Pooled)

Para mais detalhes sobre o conteúdo estatístico Performance/Capacidade para dados normais  (método Pooled) clique aqui  

O método Pooled é uma outra maneira de estimarmos a variabilidade a curto prazo dos dados. Podemos também utilizar um fator de correção nesse desvio padrão com o objetivo de reduzir o vício da estimativa.

Para verificar a normalidade dos dados consulte o manual da ferramenta para a seguinte função Testes de Normalidade.

Exemplo:

O conjunto de dados utilizado nesse exemplo foi retirado de um processo estatístico com as especificações 37±13. Temos que LIE = 24; μ = 37; LSE = 50.

Amostra   Leituras  
1 36 35 34 33 32
2 31 31 34 32 30
3 30 30 32 30 32
4 32 33 33 32 35
5 32 34 37 37 35
6 32 32 31 33 33
7 33 33 36 32 31
8 23 33 36 35 36
9 43 36 35 24 31
10 36 35 36 41 41
11 34 38 35 34 38
12 36 38 39 39 40
13 36 40 35 26 33
14 36 35 37 34 33
15 30 37 33 34 35
16 28 31 33 33 33
17 33 30 34 33 35
18 27 28 29 27 30
19 35 36 29 27 32
20 33 35 35 39 36

clique aqui para efetuar o download dos dados utilizados nesse exemplo

Para realizarmos o Índice de Capacidade para Dados Normais, vamos realizar os seguintes passos:

1. Primeiramente vamos acessar o menu como descrito a seguir:

Action  Stat  $ \blacktriangleright $ Ferramentas da Qualidade  $ \blacktriangleright $ Análise de capacidade    $ \blacktriangleright $ Índices de Performance/Capacidade (Dados Normais)

2. A seguinte tela será exibida.

3. No campo Conjunto de Dados selecionemos com o mouse as colunas que contém o conjunto de dados (estes devem ser numéricos).

OBS.: Os dados devem estar separados em colunas, isto é, se o tamanho de cada subgrupo for m devemos ter m colunas de dados. Caso esses dados estejam na mesma coluna então devemos preencher o campo Tamanho do sub-grupo com o respectivo valor.

4. Em Método, selecione dentre as opções Xbar e R, Xbar e S, IM/R e Pooled. No nosso exemplo escolheremos o método Pooled.

5. Em Parâmetros, poderemos digitar os valores de Limite Superior, do Limite Inferior ou Alvo. É obrigatório digitar pelo menos um dos limites (superior ou inferior), caso digitemos o limite inferior, por exemplo, os outros parâmetros ficam como opcionais.

6. Em Opções poderemos efetuar o cálculo com o fator de correção, para isso basta habiltar os Correção do desvio padrão(Curto Prazo) e Correção do desvio padrão(Longo Prazo).

OBS.: Note que, como agora não estamos utilizando nenhum gráfico de controle para o cálculo do desvio padrão o campo Testes não é habilitado.

7. Em Mostrar Resultados, escolheremos se desejamos que o resultado seja exibido na mesma planilha do conjunto de dados (Célula Atual) ou em uma nova planilha (Nova Planilha).

OBS.: Ao escolher a opção Célula Atual os resultados serão impressos a partir da célula em que se encontra o cursor na janela do Excel. Neste caso, o usuário deve posicionar previamente (antes do passo 1) o cursor em uma posição apropriada.

9. Cliquemos em Ok para concluir a análise e obter os resultados.

Resultados

Finalizado o processo serão exibidos os seguintes resultados:

 

Com Fator de Correção

 

 

Sem Fator de Correção

Manual - Ferramentas da Qualidade

Sobre o Portal Action

O Portal Action é mantido pela Estatcamp - Consultoria Estatística e Qualidade, com o objetivo de disponibilizar uma ferramenta estatística em conjunto com uma fonte de informação útil aos profissionais interessados.

Facebook

CONTATO

  •  Maestro Joao Seppe, 900, São Carlos - SP | CEP 13561-180
  • Telefone: (16) 3376-2047
  • E-Mail: [email protected]